A casa do Pecado

Por Thiago Gonçalves
O que é pecar?

O pecado é apresentado de inúmeras maneiras, através da crueldade, da maldade, da iniqüidade, da perversidade…Estamos infelizmente propensos ao erro, a transgressão, a falha, tudo que gera inclusive o desagrado divino.

O livre-arbítrio nos foi dado, podemos optar. Não somos seres adestrados, maquinados, robotizados. Nos foi dado o poder de racionalizar e nisso nos superamos. Posso livremente escolher entre errar ou não errar, fazer ou não fazer, pecar ou não pecar, ser ou não ser. Posso decidir entre bater ou correr, acumular ou compartilhar, criticar ou compreender, recriminar ou incentivar.

Vivemos constantemente diante de nossos dilemas, nossas escolhas estão intrinsecamente ligadas a nossa existência. Decisões erradas podem comprometer o agora, como também o futuro. A graça de Deus está pronta a nos perdoar, mas isso de forma alguma anula as conseqüências dos nossos equívocos.

O pecado não é simplesmente uma questão de desagrado a Deus e se vivemos assim, não pecamos por nós, mas por medo do preço, por medo do nosso inferno e é justamente esse gesto de desconfiança que o Pai não quer de nós. Salmo 37:3 “Confia no Senhor e faze o bem; habita na terra e alimenta-te da verdade”.O pecado é tudo aquilo que prejudica a mim ou ao meu próximo.

Vemos ainda que para alguns é muito fácil atribuir a razão do pecado a Satanás – “Pequei porque fui tentado”, ao invés de reconhecer a infeliz atitude tomada. É mais fácil um religioso que vive tentando apresentar-se perfeito que admitir uma burrada. O Diabo hoje virou um depósito de culpa de um crédulo, onde todo pecado que não se queira assumir e tudo que é inexplicável para nossa concepção pode ser jogado.

Devemos abdicar nossas arrogâncias, reconhecer nossas falhas, se preciso for pedir perdão para que dessa forma aja arrependimento.

A igreja (instituição) tem a desprezível mania de definir a casa do pecado, porém o pecado é subjetivo, pessoal. Excomunga produtos, valores, costumes e até crenças.

A televisão pode significar uma citação à violência, como também mediar uma importante notícia. A música pode ter uma conotação pornográfica, como gerar reflexão com sua majestosa melodia. O sexo pode incitar o adultério, como pode revelar o companheirismo. Um bom vinho pode celebrar uma festa, enquanto seu excesso pode provocar uma desavença em família. A internet pode aumentar meus conhecimentos, enquanto incentiva a propagação da pedofilia. O dinheiro pode construir palácios, enquanto pode abençoar famintos.

Nós que fazemos nossos pecados. Somos construtores e responsáveis pela nossa “casa”, onde eles habitam. Vivemos em casas diferentes!

Anúncios

2 comentários sobre “A casa do Pecado

  1. Pingback: Em Comemoração aos 5 anos do Caminhada & Missão… « Caminhada & Missão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s